Dentista há mais de 35 anos, Luiz Vieira descobriu no talho da madeira uma prazerosa ocupação. Sua proximidade com a terra já era antiga, cultivada nos vários tipos de plantio a que se dedicou enquanto conciliava a paixão pelo sítio Gaivota e a profissão exercida na cidade. Foi por não querer descartar árvores outrora frondosas encontradas caídas entre suas plantações, que ele passou a lhes oferecer outros destinos.

Assim surgiu o Corte da Terra, cujas peças são elaboradas em madeira nobre obtida exclusivamente de árvores secas e/ou mortas provenientes de seu sítio particular e dos arredores, em pleno respeito às questões ambientais.

A principal característica de sua produção consiste em partir da madeira em estado bruto, prezando por suas formas, cores e texturas originais. As peças variam entre gamelas, tábuas, mesas, bancos, cadeiras etc. São elaboradas conforme inspiração e particularidades do material disponível, mas também podem ser encomendadas, eventualmente.

Anúncios